Novo Concurso da PRF 2021 – Provas e Concorrência

Categorias: 2021 - Concursos 2021 - Concursos públicos - PRF - Polícia Rodoviária

Confira aqui mais detalhes sobre o novo concurso da PRF 2021.

A Polícia Rodoviária Federal abriu concurso e já registrou até o momento, cerca de 303 mil inscritos, oferecendo 1.500 vagas. As vagas são para trabalhar como policial rodoviário de imediato.



Segundo as informações divulgadas pela corporação, o concurso tinha a prova marcada ainda para este mês, para o próximo dia 28, mas foi adiada para o dia 9 de maio devido ao agravamento da pandemia.

Número de vagas

A banca organizadora ainda não oficializou o número exato de candidatos, mas já no geral já são mais de 300 mil candidatos para preencher 1500 vagas. Uma relação de cerca de 200 candidatos por vaga. A disputa está acirrada e muito parecida com o concurso passado, do ano de 2018, onde o número de candidatos por vaga era de 258, sendo mais de 129 mil inscritos para preencher 500 postos.

De todas as vagas que estão sendo oferecidas no Concurso da PRF, estão divididas da seguinte forma:



  • 1.125 vagas para a concorrência geral;
  • 300 vagas para candidatos negros;
  • 75 vagas para candidatos com deficiência.

As expectativas estão, para que a convocação já seja feita no começo de 2022, pelo menos para 500 das vagas excedentes devem ser contratadas, de acordo com o pronunciamento do Presidente da República Jair Bolsonaro.

Com o adiamento da data da prova, é provável que os exames do concurso também sejam adiados para um novo cronograma.

Como serão as provas?

A avaliação do concurso PRF deve ter etapas de perguntas objetivas e discursivas. No caso da parte da prova que conta com perguntas objetivas de múltipla escolha, serão 120 perguntas, e na etapa dissertativa é preciso fazer uma redação dissertativa de pelo menos 20 linhas e máximo de 30.

Todo o conteúdo programático da prova, inclui os seguintes temas:

  • Língua portuguesa;
  • Informática;
  • Física;
  • Raciocínio lógico-matemático;
  • Geopolítica;
  • Ética e cidadania;
  • Legislação de trânsito;
  • Língua estrangeira;
  • Direito constitucional;
  • Direito administrativo;
  • Direito penal;
  • Direito processual penal;
  • Direitos humanos;
  • Legislação especial.

As outras etapas do processo do concurso da PRF devem envolver exames de avaliação psicológica e aptidão física e exames médicos. Além disso, também será feito avaliação de títulos, investigação social, se o candidato possuir algum tipo de curso e também o recebimento e apresentação da documentação.

Sobre o Cebraspe

O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos, ou Cespe/UNB, é uma instituição especializada na avaliação e certificação de pesquisas desde os anos 70. A instituição é responsável por elaborar diversos vestibulares, incluindo o da UnB, Universidade de Brasília e vários concursos públicos.

O Cebraspe aplica, elabora, planeja e faz a correção das provas incluindo outros exames caso seja necessário. Para cargos públicos, normalmente são necessários provas práticas, testes de aptidão e psicológico e nesse caso também fica a cargo da instituição.

Além disso, é a empresa quem determina as cotas legais para o processo seletivo, atendendo exatamente o que determina a lei. Para os candidatos com deficiência que necessitam de perícia médica, a Cebraspe fica responsável por confirmar todas as vagas.

Atualmente o Cespe realiza concursos em todo o país, com uma banca extremamente competente e muito temida pelos candidatos. De acordo com uma das organizadoras todas as questões objetivas, de múltipla escolha, exigem muito cuidado principalmente pelas escolhas das respostas.

O procedimento de avaliação de qualquer processo seletivo é justificável e tem como intenção selecionar os melhores candidatos. Depois disso, avaliar e interpretar a etapa dissertativa, tentando entender o que o candidato aprendeu, ou chutou dentro daquela avaliação.

Depois de tudo certo, a empresa contratante ou o próprio departamento do governo, recebe a lista dos candidatos aprovados para fazer as últimas etapas antes da convocação.

Por Susan NogArt



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *